8 de novembro de 2017

Trinta casos de feminicídio registrados, só este ano, no Maranhão

Segundo a titular da Delegacia da Mulher, esse número ainda pode aumentar. Segundo Wanda Moura, a incidência desse tipo de violência é fruto de uma cultura machista preservada em nossa sociedade, sendo necessário desconstruir essa cultura. (Foto: Divulgação) SÃO LUÍS – Trinta! Esse é o número de casos de feminicídio registrados, só este ano, no Maranhão. A informação foi divulgada, nesta quarta-feira (8), pela delegada Wanda Moura Leite, que é titular da Delegacia da Mulher (DEM), em São Luís. A delegada, em entrevista à rádio Mirante AM, falou da importância de classificar o crime corretamente, para que os dados sobre esse tipo de violência sejam mais concretos. “Ao instaurar o inquérito policial, quem preside a investigação tem que fazer a tipificação correta do crime como feminicídio e não simplesmente como homicídio. Enquanto que o homicídio, na maioria das vezes, decorre da violência urbana, o crime de feminicídio é praticado pelo simples fato da vítima ser mulher, ou porque o agressor quer estuprar, porque tem ciúmes… É uma circunstância qualificadora que deve ser levada em consideração”, explica. Ainda segundo Wanda Moura, a incidência desse tipo de violência é fruto de uma cultura […]
Facebook
Twitter
Instagram
31 de outubro de 2017

CENTENAS DE PEIXES SÃO ENCONTRADOS MORTOS NO RIO ITAPEURU EM SANTA RITA

SUSPEITA-SE QUE ALGUM TIPO DE PRODUTO QUÍMICO ESTEJA SENDO DESCARTADO DIRETAMENTE NAS ÁGUAS     A imagem é desoladora, chega a impressionar quem passa pelo local, devido às centenas de peixes encontrados mortos em uma parte do Rio Itapecuru em Santa Rita, meio a água com cheiro forte e coloração esverdeada. São varias espécies entre Mandi, Piau, Viola, Sarapó, Curimatá, entre outros, que boiavam no leito do Rio a procura de oxigênio, outros já sem vida, na altura do povoado Areais. O episódio que causa prejuízo tanto para vida aquática quanto para as pessoas em geral foi percebido na manhã desta terça-feira (31), depois que pescadores se preparavam para iniciar a atividade pesqueira. Ainda não se sabe as verdadeiras causas do fenômeno, suspeita-se que algum tipo de produto químico esteja sendo descartado diretamente nas águas. As autoridades competentes devem se manifestar no sentido de tirar amostra da água e recolher alguns peixes mortos para analise e, assim evitar que o problema venha a se agravar. Com 1.450 quilômetros desde a nascente, o Itapecuru abastece dezenas de cidades maranhenses, principalmente a capital São Luis. Atualmente, em toda sua extensão, observa-se varias […]
Facebook
Twitter
Instagram
28 de outubro de 2017

AL-MA, DNIT, AGED e PRF buscam solução para o caso de animais soltos em rodovias do MA

Conforme dados da Polícia Rodoviária federal, de janeiro a setembro deste ano foram registrados 70 acidentes provocados por animais soltos em BRs que cortam o Maranhão, sendo seis com mortes e 14 com feridos graves. As BRs 316 e 135 são as que têm maior incidência desse tipo de acidente. Para o superintendente da Polícia Rodoviária Federal do Maranhão (PRF), Paulo Fernandes Nunes Moreno, algo precisa ser feito para resolver esse problema, mas a PRF se sente de pés e mãos atados diante do caso, pois não tem onde colocar os animais que são recolhidos nas rodovias. “Não adianta combater os efeitos do problema, mas sim atacar suas causas. A solução do problema implica na contribuição de todos, principalmente da conscientização da sociedade. Precisamos também de uma lei estadual que imponha regramentos e estabeleça competências”, argumentou Moreno. Na última quinta-feira (26), a comissão de segurança pública da Assembleia Legislativa realizou Audiência Publica para debater o problema de animais nas rodovias do Estado do Maranhão. Além dos autores da proposta de realizar o debate, deputados Junior Verde (PRB), presidente da Comissão de Segurança Pública, e a deputada Francisca Primo (PC do […]
Facebook
Twitter
Instagram