Vereador Jardson Rocha repudia ação truculenta feita por agentes de transito e da guarda municipal a um motociclista de Rosário.

Foi com bastante indignação que o Vereador Jardson Rocha (PPS) relatou na tribuna da Câmara Municipal de Rosário, na Sessão Ordinária da ultima segunda feira (15), a ação truculenta feita por agentes de transito e da guarda municipal a um motociclista que segundo as primeiras informações, teria estacionado uma moto em local proibido (em frente ao Banco Bradesco) e se negou a entregar a chave da moto para que os agentes realizassem a condução do veiculo até a Secretaria Municipal de Segurança Pública.

A ação desastrosa foi registrada por um popular, que se revoltou com os excessos cometidos pelos agentes que após imobilizarem a vitima com golpe conhecido como “gravata” o jogaram dentro da viatura, as imagens ainda permitem observar que foram efetuados choques elétricos contra a vitima já localizada dentro do veiculo.

O caso ganhou grande repercussão nas redes sociais e grupos de WhatsApp, e causou grande revolta da população com a ação violenta dos agentes, que foi acompanhada de perto pelo Secretário Municipal de Segurança Pública e Cidadania, Getulio Lisboa.

O Vereador Jardson solicitou ao presidente Kiko e a Mesa Diretora todo suporte necessário que a vitima possa precisar e exigiu providências da administração pública em relação ao caso ocorrido.

“Nós estamos em pleno século XXI, e é inadmissível que a nossa população passe ainda por situações de constrangimento e violência por parte de pessoas que deveriam estar auxiliando na segurança, na organização do transito e no bem-estar da nossa cidade.” explanou Jardson Rocha.

Facebook
Twitter
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *