Flávio Dino vistoria obras de revitalização da RFFSA nesta quarta-feira (17)

O governador Flávio Dino visita, nesta quarta-feira (17), as obras de revitalização do prédio da antiga Rede Ferroviária Federal (RFFSA), localizada na Avenida Beira-Mar. O prédio será transformado em um espaço de cultura, arte, entretenimento e vivência.

Para o secretário de Estado da Cultura e Turismo, Diego Galdino, esse é mais um equipamento cultural a ser entregue para a população. “É fundamental preservar e revitalizar os espaços culturais aproximando o cidadão de seu patrimônio e da história da sua cidade”, declarou o secretário.

A obra contempla serviços de demolição, restauração de ladrilhos, recursos de acessibilidade, elevador, novas esquadrias, pisos, recomposição de paredes, fachadas, construção de rampa, escada e mezanino, revisão e restauração de forro e teto, restauração de grades, dentre outros.

O prédio abrigará o Complexo Cultural e Turístico onde está previsto o funcionamento de restaurante panorâmico, lojas e unidades da administração estadual.

A obra é resultado de um Termo de Cooperação Técnica com o Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), que foi responsável pelo projeto de reforma do prédio via Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Cidades Históricas.

No início do ano foi inaugurada a primeira etapa da obra, com a construção de duas praças localizadas no entorno do prédio (a praça Gomes de Sousa e a Joãosinho Trinta) iniciando os trabalhos de urbanização e revitalização do conjunto de equipamentos que vão integrar o complexo cultural, um atrativo a mais para turistas.

A antiga estação ferroviária foi inaugurada em 1929 e funcionou até meados da década de 1980. Nos últimos anos abrigou vários órgãos ligados à Secretaria de Segurança Pública.

SERVIÇO:

O QUÊ? Vistoria às obras da RFFSA.
QUANDO? Nesta quarta-feira (17), às 9h.
ONDE? Antiga Rede Ferroviária Federal (RFFSA), Beira-Mar.

Facebook
Twitter
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *