Família de professor e analista ministerial morto em assalto pede justiça

André Arouche Fontoura tinha 36 anos. Ele deixou a mulher e uma filha. / Foto: Arquivo Pessoal.

Após quase sete meses depois do crime que tirou a vida do professor universitário e analista ministerial do Ministério Público do Maranhão (MP-MA), do André Arouche Fontoura, 36 anos, a família pede justiça.

Duas audiências já foram realizadas na 4ª Vara Criminal no Fórum Desembargador Sarney Costa, nos dias 12 de junho e 12 de julho. A próxima audiência está prevista para o dia 2 de agosto.

Entenda o caso

No dia 29 de dezembro de 2017, dois homens, sendo um deles adolescente, tentaram roubar a motocicleta de André Arouche, enquanto estava parado em um sinal na avenida Jerônimo de Albuquerque, no bairro Bequimão.

Os suspeitos estariam fugindo após roubarem uma Honda Pop, na Cohab. Ao notarem que André pilotava uma moto nova, ainda sem placa, partiram para cima dele. Eles travaram luta corporal, mas a vítima foi morta com dois disparos de arma de fogo.

Após cometer o crime, os suspeitos fugiram sem levar a moto de André.

Fonte: imirante

Facebook
Twitter
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *