Festejo Junino de Bequimão reuniu 60 atrações em 12 dias na Praça da Matriz

Superintendente do Sebrae-MA João Martins, Primeira dama Vânia Martins e o Prefeito Zé Martins

Criado pelo saudoso Juca Martins em 1966 na Praça da Matriz, o tradicional Arraial Junino completou este ano 52 anos de história, mantendo a tradição de mais de meio século. Com grande público desde sua abertura oficial dia 19 de junho, no aniversário de 83 anos de emancipação política da cidade, este ano o Arraial recebeu 60 atrações, entre Tambor de Crioula, Cacuriá, Dança do Negro, Dança Portuguesa, Quadrilha Junina, Dança Country, Boizinho do Batutinhas, Bumba-meu-boi de todos os sotaques, com destaque para o Boi Estrela de Bequimão, Terecô, Dança do Carimbó, Dança da Garça, Dança Indígena, Dança Gaúcha, Dança Sedução Cabocla, Dança Cigana, Além das Bandas Miragem e Mesa de Bar, e o cantor Matheus Fernandes.

Mesmo com a crise que assola o país, o prefeito Zé Martins, juntamente com a Secretaria de Cultura do Município, traçou uma estratégia e conseguiu montar uma programação bastante eclética, envolvendo todos os ritmos e sotaques juninos, com brincadeiras locais e de outras cidades, unindo o útil ao agradável, valorizando a cultura local, principalmente as brincadeiras das comunidades remanescente de quilombos.

Na abertura que aconteceu justamente no aniversário da cidade, a Praça da Matriz recebeu manifestações culturais, como o Boi Estrela de Bequimão que fez sua primeira apresentação na temporada junina de 2018, em grande estilo em terras bequimãoenses. Mas o público também aguardava as atrações nacionais Matheus Fernandes e Banda Mesa de Bar, que levaram o público ao delírio com muito romantismo e sofrência. A Praça da Matriz recebeu um público histórico de Bequimão e vários municípios da baixada maranhense.

A partir do dia 20 até o encerramento, dia 30 de junho, o público presente pôde ver grandes brincadeiras e se divertir ao som de atrações do folclore maranhense. No Sábado, dia 30, o prefeito Zé Martins levou para fechar a temporada junina de 2018 com chave de ouro, a Banda Miragem de Pinheiro. O resultado foi realmente o esperado pela gestão.

“Procuramos montar uma programação caseira, barata, mas com qualidade. Buscamos atrações fora de Bequimão, mas era com o nosso teto de contratação. Não podíamos extrapolar nosso orçamento, mas graças a Deus com os pés no chão, fizemos um bom São João. Agora nosso foco está na gestão, com recuperação de estradas, conclusão de obras e pavimentação de ruas e avenidas na sede e zona rural”, destacou o prefeito Zé Martins, que confirmou mais de R$ 20 milhões de reais para ações em Bequimão este ano.

Focado na reestruturação de obras no município, Zé Martins vai construir e recuperar estradas vicinais, substituir pontes de madeira por bueiras de concreto, pavimentar ruas de bairros da cidade, além de concluir obras de escolas na zona rural, como é o caso do Centro de Ensino na Comunidade Monte Alegre, e outras ações como a reforma do estádio municipal Vivaldão, que receberá arquibancadas, iluminação e gramado novo.

A secretária de cultura, Dinha Pinheiro, destacou o sucesso do Arraial e mostrou a importância de trabalhar com planejamento nas mãos. “Não está fácil para ninguém, teve município que realizou apenas três noites, outros nem fizeram o festejo junino deste ano. Mas a gente traçou o plano, onde queríamos quantidade e qualidade ao mesmo tempo, com preços bons para o município. E isso conseguimos, graças ao prefeito Zé Martins, que sempre abraçou a cultura popular de nosso município. Cortamos os gastos, colocamos nossa equipe na rua e a coisa aconteceu. Mais um ano nosso arraial foi sucesso, e este ano bateu recorde de público, graças a Deus”, disse.

Facebook
Twitter
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *