Tá chegando o grande dia, LANÇAMENTO DO LIVRO “ECOS DA BAIXADA”

Na próxima terça-feira (14/11) ocorrerá o lançamento da obra intitulada “Ecos da Baixada: coletânea de artigos e crônicas sobre a Baixada Maranhense”. O evento será realizado na sede da AABB (Calhau), a partir das 19 horas.

O livro foi organizado pelo escritor Flávio Braga e os textos são assinados por 32 coautores, naturais ou vinculados afetivamente à Baixada Maranhense.

A PLÊIADE DO ECOS DA BAIXADA

Agnaldo Mota (Pinheiro-Ma)

Alexandre Abreu (São Luís-Ma)

Alvaro Urubatan-Vavá Melo (São Bento-Ma)

Ana Creusa Martins dos Santos (Peri-Mirim-Ma) – Presidente do FDBM

Antonio Padilha (São Bento-Ma)

Carlos Cesar Paixão (Bequimão-Ma)

Chico Gomes (Viana-Ma)

Elinajara Pereira Castro (Bequimão-Ma)

Eulálio Figueiredo (São João Batista-Ma)

Expedito Moraes (Cajari-Ma)

Flávio Braga (Peri-Mirim-Ma) – Organizador da obra

Francisco Viegas Paz (Peri-Mirim-Ma)

Graça Leite (Pinheiro-Ma)

Gracilene Pinto (São Vicente de Ferrer-Ma)

Hilton Mendonça (Arari-Ma)

Jailson Mendes (São João Batista-Ma)

João Batista Azevedo (São João Batista-Ma)

João Carlos (Matinha-Ma)

Joãozinho Ribeiro (São Luís-Ma)

José Jorge (Pinheiro-Ma)

José Sarney (Pinheiro-Ma)

Luiz Alexandre Rapouso (Viana-Ma)

Luiz Antonio Morais (Viana-Ma)

Luiz Figueiredo (São João Batista-Ma)

Luiz Pedro (Baixadeiro Honorário)

Manoel Barros (São João Batista)

Mauro Rego (Anajatuba-Ma)

Natalino Salgado (Cururupu-Ma)

Nonato Reis (Viana-Ma)

Raimundo Cutrim (São João Batista-Ma)

Robert Lobato (Palmeirândia-Ma)

Rômulo Gomes (bequimão-Ma)

A mencionada coletânea inaugura o catálogo de publicações do selo editorial “edições FMDB”, projeto literário concebido pelo Fórum em Defesa da Baixada Maranhense (FDBM), entidade da sociedade civil, sem fins lucrativos, com atuação na Capital e nos municípios da Baixada Maranhense e do Litoral Ocidental Maranhense.

A publicação congrega uma plêiade de escritores baixadeiros, uns noviços e outros já consagrados no mundo das letras, amantes de sua região de origem, que, a despeito da riqueza natural, da diversidade multifacetada de mar, rios, lagos, terra, campos, flora e fauna, de ostentar uma riquíssima cultura – até um sotaque peculiar, um léxico de palavras únicas – continua amargando o esquecimento e um desenvolvimento espasmódico que alcança, só precariamente, a sua gente laboriosa.

Ler o livro é fazer uma impressionante viagem pela Baixada, percorrendo os seus encantos naturais, lendas, valores, saberes, tradições, costumes, gastronomia… e as nostalgias, prantos, sonhos, reflexões e reminiscências dos cronistas e articulistas.

Esteja presente e seja testemunha do nascimento de uma obra que o ajudará a melhor conhecer a intimidade e bem compreender os encantos da nossa Região ecológica.

Em Forma de literatura, o eco de nossas vozes se confunde com o de nossos ancestrais, retumbando pelos rios, igarapés, enseadas, campos, tesos, lagos, comunidade rurais e pela baía de São Marcos.

E quando o clamor dos baixadeiros ecoa… persiste a vida, a fé e a esperança.

Viva a nossa Baixada!!

 

Facebook
Twitter
Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *